Yahoo! poderá rejeitar oferta da Microsoft

O conselho de administração do grupo Yahoo! poderá rejeitar a oferta da Microsoft, que ofereceu cerca de 30 bilhões de euros para comprar o grupo da Internet, segundo anuncia o Wall Street Journal.

Segundo o Diário Económico, que cita fonte ligada ao processo, os administradores consideram que a oferta da Microsoft, que ofereceu 31 dólares por ação (20,8 euros), “desvaloriza” o Yahoo! e não tem em conta os riscos acrescidos para o grupo caso este se comprometa numa aliança que pode ser rejeitada pelas autoridades.
 
 
 
A Microsoft apresentou uma oferta pública de aquisição (OPA) hostil sobre o grupo Yahoo!, oferecendo cerca de 30 bilhões de euros, para comprar o grupo com o objetivo de concorrer com o Google na área da publicidade on-line.
 
Na quarta-feira, o diretor-geral do Yahoo!, Jerry Yang, declarou, num e-mail enviado aos seus funcionários, que não havia ainda nenhuma decisão tomada e que o conselho de administração estava estudando “de perto um vasto leque de alternativas estratégicas”.
 
“A oferta da Microsoft demonstra a formidável força da marca Yahoo! e de suas ações”, nomeadamente o seu “meio bilhão de utilizadores”, acrescentou Yang.