Site ou posicionamento digital? Tá aí a questão

No universo digital, fazendo uma analogia, podemos nos classificar como estrelas brilhantes que refletem a sua luz para todos os olhares que se voltarem para o céu ou como estrelas pequenas, de pouca luminosidade, apagadas, que tem seu espaço na imensidão, porém não são vistas facilmente, ao simples olhar. Alguns sabem que elas estão lá, outros nem sabem, alguns buscam por elas através de lunetas ou ferramentas mais eficazes, fazendo movimentos mais esforçados.

Posicionamento digital

Transportando esse pensamento para o cenário real da internet, podemos identificar como nos apresentamos neste universo. Se nossa presença é significante ou não, pois não bastar estar presente, mas sim se fazer presente refletindo na direção do nosso alvo. Então aí iniciamos alguns questionamentos: O que é presença digital? É ter um site? Se eu tenho um site tenho presença digital?

Podemos dizer que é possível ter presença digital sem ter um site, assim como podemos ter um mega site e ter uma presença digital bastante insignificante.  O termo presença digital, explorado na web 2.0, se define pela forma de relacionamento, contato e apresentação corporativa das empresas ou marcas na internet, diante dos seus públicos consumidores. Com a transformação cultural, as empresas já não têm mais o poder de decisão, não basta oferecer um site com informações estáticas ou um link de contato. Os clientes/consumidores buscam mais informações a partir das percepções de outros consumidores e das experiências relacionadas às marcas. Com isso, para que uma marca tenha presença digital é necessário que ela esteja onde o seu público está, estreitando o relacionamento, o contato e entregando mais do que o esperado por estes públicos.

Nesse universo temos como aliadas as redes sociais, grandes canais para desenvolvimento de estratégias de presença digital. Para isso, é importante conhecer e entender como cada uma funciona, para quem se destinam, de que forma os usuários interagem através delas e como a marca pode ser trabalhada em cada uma. Temos também as estratégias de posicionamento orgânico e links patrocinados, que podem ser trabalhadas através de conteúdos estratégicos para que sejamos encontrados e vistos através das “lunetas”, as ferramentas de busca.

Os links patrocinados (anúncios publicitários que conduzem o internauta ao canal do anunciante) são importantes nas estratégias de presença digital, pois são mais uma forma de atrair e chamar a atenção dos consumidores para o site da empresa, podendo converter a visita em venda ou simplesmente no conhecimento do produto ou serviço. Esta estratégia pode ser usada dentro de um trabalho de SEO,  que compreende a otimização de um site através do uso palavras chave em seus conteúdos, elevando o posicionamento  orgânico em sites de busca e links patrocinados.

Para visualizar esse processo, podemos exemplificar da seguinte forma: se os produtos que você comercializa são artigos esportivos, e você se posiciona estrategicamente, marcando presença junto aos nichos de públicos interessados, atletas e esportistas, você estará gerando presença de marca, lembrança e reconhecimento. Além disso, se você oferecer mais do que produtos, oferecer também conteúdo relacionado às praticas esportivas, saúde e tudo mais, no momento que seus consumidores pegarem suas lunetas para encontrar as informações que buscam você será encontrado, brilhando mais que seus concorrentes.

Adequar as ações estratégicas à cultura do seu público alvo é o melhor negócio. Os resultados de uma boa consultoria em presença digital podem trazer presença positiva na web, alavancando confiança e, consequentemente, vendas. Para isso, algo importante é preciso saber, já não basta mais contratar um profissional de internet para o seu posicionamento e sim um profissional de negócios com foco em ações digitais.

Autor: Roberto Soares Costa - Consultoria em Presença Digital - robertocosta.gp@gmail.com / @robertocosta