Por que a Gradiente usa o nome iphone em seu celular?

Após lançamento do seu celular também chamado iphone, a Gradiente chama atenção no mundo.

Se alguém fizesse um aparelho semelhante a um celular e o chamasse de iPhone, com certeza seria processado pela Apple, ainda mais que a empresa costuma defender suas ideias, nomes e produtos a todo custo (e está certa, apesar deles também copiarem).

Só que a Apple não pode processar a Gradiente pelo uso do nome “iphone” no Brasil.

Gradiente iPhone

Em 2000 a gradiente pensou na ideia de inventar um aparelho que unisse o celular com a internet. O pessoal do marketing começou a “bolar” o nome para o aparelho que iria ser chamado Internet Phone, só que como era um nome muito grande, foi abreviado para iphone. Pronto, é lançado o primeiro iphone do mundo.

Primeiro celular gradiente

No mesmo ano de lançamento a Gradiente solicita ao INPI (órgão no Brasil onde solicitamos o registro de marcas e patentes) o registro do nome “Gradiente iphone” para aparelhos celulares e semelhantes.

Em 2008, finalmente o INPI confirma o registro do nome “iphone” para a Gradiente, que pode livremente usar este nome para seus aparelhos celulares sem que haja chances de ganho da Apple em caso de processo.

Celular Gradiente iPhone

O iPhone da Gradiente é inferior em recursos ao iPhone da Apple. O aparelho vem com Android e por isso diversas notícias correram pelo mundo como “O primeiro iPhone com Android” ou “iPhone usa Android”. Isso satirizando por que a Apple usa o iOS como sistema operacional em seus smartphones, concorrente direto do Android.

Dê uma olhada na explicação sobre a marca "iphone" usada pela empresa no Brasil: