Novo navegador Microsoft Edge – Download vaza na internet

Microsoft começa a usar a mesma engine do Chrome em seu novo navegador Edge. Versão de testes vaza na internet e já é possível testar o navegador.

O novo navegador da Microsoft, que continuará a se chamar Edge não terá mais a engine (motor ou sistema que renderiza as páginas na internet) da própria Microsoft (chamado de EdgeHTML) e sim usará o mesmo do Chrome (Blink).

Novo Microsoft Edge

Desenvolver e manter um motor de renderização de páginas na internet não é fácil e exige uma equipe especializada em manter o sistema atualizado e com melhorias para que a abertura dos sites seja rápida. Porém, como os usuários não estão utilizando tanto o navegador Edge como a Microsoft pretendia e também para haver maior compatibilidade entre dispositivos (versões do Windows mais antigas e outros sistemas), além de poder reduzir a equipe de desenvolvimento, a Microsoft decidiu utilizar a mesma plataforma base do Chrome (ou mais precisamente do projeto Chromium, de quem ambos os navegadores são derivados).

Testes e compatibilidade

O navegador irá para a área de testes interna da empresa nesta semana, mas acabou vazando na internet e disponibilizada inicialmente no site WP Pluto.

Baseado no Chromium, a versão já compilada para testes é a 75.0.107.0, e será compatível com o Windows 7, Windows 8, Windows 10 e até mesmo o MacOS.

É importante ressaltar que o novo navegador Edge será compatível com extensões do próprio Edge disponibilizadas na loja do Windows quanto os milhares de extensões do Google Chrome.

A Microsoft já vem há algum tempo contribuindo também para o desenvolvimento navegador Chromium e certas funcionalidades existentes no Edge poderão estar presentes futuramente no Chrome, como o suporte a caneta e melhores opções de acessibilidade.

As novidades

Ainda é cedo para destacarmos ou efetuarmos maiores testes com o navegador da Microsoft (já que ainda está em versão de testes). Mas já percebemos que usa uma quantidade menor de memória que o Google Chrome (considerado atualmente o calcanhar de Aquiles). Enquanto o novo Edge consome em média 294MB de memória RAM, o Chrome fica em 456MB, uma boa diferença.

novo-microsoft-edge-dicas-computador

As extensões agora poderão ser instaladas tanto da loja do Windows quanto do Google Chrome.

extensoes-microsoft-edge

Na home, ou primeira página que se abre quando você acessa o navegador, ou abre uma aba terá algumas opções interessantes para quem quer manter o foco (aparece apenas o campo de busca na internet e os últimos sites visitados), inspirador (o mesmo que o foco, mas como imagem de fundo do Bing), informativo (aparece o feed de notícias da Microsoft News) e personalizado.

home-microsoft-edge

Assim como no navegador Chrome, no Edge você poderá definir sites como “App”, inserindo um atalho na área de trabalho, podendo “pinar” na barra de tarefas, abrir o site em formato de tela semelhante a um programa e inclusive jogar a janela para um outro dispositivo que esteja conectado a mesma rede, como um celular ou Tv, por exemplo.

sites-app-microsoft-edge

A opção de leitura cognitiva das páginas está melhor, podendo selecionar a velocidade da fala e a interpretação está melhor, pois, utiliza o próprio serviço do Windows para isso.

leitura-texto-sites-edge

É possível utilizar mais de um perfil ou conta no novo Edge.

perfis-microsoft-edge

Outras funções que já existem no Chrome como a ferramenta de desenvolvimento, criar atalhos para sites no desktop e gerenciador de abas e processos do navegador também estão no Edge.

Como baixar e testar o novo Edge

O navegador ainda está em fase de testes e não é aconselhável que o utilize como navegador padrão no momento. O link para baixar o novo Edge é este.

Conseguimos apenas a versão x64 (64 bits). Se o seu Windows for de 32 bits, infelizmente não conseguirá abrir o navegador.