Gphone, o telefone da Google se tornando realidade

O Yahoo! Finance (sistema financeiro do Yahoo!), anunciou hoje que o primeiro Gphone, o telefone celular da Google e o fabricante HTC foram aprovados pela Federal Communications Commission (FCC), que regulamenta aparelhos celulares nos USA.

A operação do aparelho se dará pela TMobile e usará a rede de terceira geração (3G).

Gphone

Sobre o Android

A Google anunciou oficialmente em 5 de outubro de 2007 o seu sistema operacional baseado em Linux direcionado a dispositivos móveis batizado de "Android". Um resultado da aquisição da empresa de software móvel de mesmo nome em 2005 - que vai permitir que a companhia faça com que os aplicativos móveis da Google cheguem no máximo de mãos possível começando possivelmente em meados de 2008.

Celular Google

Apesar de o sistema ser anunciado como um sistema da Google para dispositivos móveis, a responsabilidade do desenvolvimento do mesmo é da Open Handset Alliance, um conjunto de 34 empresas do ramo tecnológico e das telecomunicações.

Com o intuito de promover o sistema e incentivar a comunidade de desenvolvedores, a Google anunciou um concurso que irá premiar as melhores aplicações desenvolvidas para o sistema. O valor total dos prêmios é de US$ 10 milhões e as inscrições vão até 14 de Abril de 2008.

Criação de sites

 

Características do Android

Com o lançamento do SDK, caracteristicas e especificações para o Android são lentamente distribuidas.

Handset layouts
A plataforma é adaptada para ambos, dispositivos VGA maiores e os layouts mais tradicionais de smartphones.

Conectividade
O Android suporta uma grande variedade de tecnologias de conectivdade incluindo Bluetooth, EDGE, 3G, e Wi-Fi.

Mensagens
Tanto SMS como MMS são formas disponíveis de envio de mensagens.

Web browser
O web browser disponível no sistema é baseado na Framework de Código aberto conhecido como WebKit.

Máquina virtual Dalvik
Aplicações escritas em Java são compiladas em bytecodes Dalvik e executadas usando a Máquina virtual Dalvik, que é uma máquina virtual especializada desenvolvida para uso em dispositivos móveis, o que permite que programas sejam distribuidos em formato binário (bytecode) e possam rodar em qualquer dispositivo Android, independente do processador utilizado. Apesar das aplicações Android serem escritas na linguagem Java, ela não é uma máquina virtual Java, já que não roda bytecode JVM.

Mídia
O sistema irá suportar formatos de áudio e vídeo como: MPEG-4, H.264, MP3, e AAC.

Suporte Adicional de Hardware
O Android é totalmente capaz de fazer uso de câmaras de vídeo, ecrã táctil, GPS, acelerômetros, e aceleração de gráficos 3D.

 

Sites sobre o Android