Conheça o Crosh do Chrome OS e seu ambiente Shell

Aprenda a ativar o Crosh, utilitário semelhante ao Prompt de Comando ou Terminal para o Chrome OS.

Assim como os outros sistemas operacionais, como Windows, Linux e Mac, o Chrome OS também tem um ambiente em Shell para que possa executar comandos e fazer determinadas tarefas como no Prompt de comando (Windows) ou Terminal (Linux e MAC).

Para quem não sabe, Shell (concha em inglês) é um programa com interface que permite a usuários de um sistema operacional acessar os serviços do Kernel. Isso normalmente é feito por linha de comando, pois se fosse por meio gráfico limitaria muito as opções possíveis.

crosh bash shell chrome os

No Chrome OS Shell se chama Crosh e inclui vários comandos de terminais que podem ser utilizados em todos os Chromebooks, mesmo que não esteja habilidade o modo de desenvolvedor.

Mesmo que você não tenha o Chromebook, você poderá instalar o Chrome OS dentro do seu sistema operacional.

O que pode ser feito com o Crosh?

Você pode acessar recursos do sistema como:

  • Se conectar a servidores SSH;
  • Depurar problemas de rede;
  • Monitorar o uso de recursos;
  • Realizar testes de hardware;
  • Ajustar configurações de hardware ocultos;
  • E muito mais...

Como ativar e abrir o Crosh no Chrome OS?

Para abrir o Crosh basta pressionar no teclado as teclas: Ctrl + Alt + T. Isso pode ser feito de qualquer lugar no Chrome OS e o shell Crosh vai ser aberto em uma aba do navegador.

shell-crosh

Você pode digitar help para que seja exibida uma lista de comandos básicos disponíveis. Caso queira algo mais avançado e detalhado, digite help_advanced que o sistema vai lhe fornecer uma lista de comandos avançados, utilizados principalmente para depurações.

Vamos ver alguns comandos comumente utilizados em outros sistemas e que servirão de exemplo para que o Crosh possa fazer.

Exemplos de comandos do Crosh

top

O comando top mostra todos os processos de nível superior do sistema. Apesar de o Chrome OS ter seu próprio gerenciador de tarefas, este comando é interessante para podermos ver mais detalhes que cada processo ou aplicativo que está sendo executado, inclusive o tempo de atividade do seu Chromebook.

comando-top-crosh

Para terminar o comando e voltar para a linha de comando e assim poder executar outros, basta apertar no teclado Ctrl + C.

tracepath

Tracepath é o mesmo comando que o traceroute que usamos em outros Shell e serve para podermos rastrear os pacotes e saber por exemplo onde fica hospedado determinado site ou computador. É útil para diagnosticar problemas de conectividade.

crosh-tracepath

ping

O ping é bem utilizado para solucionarmos problemas de rede, permitindo que você veja quanto tempo os pacotes levam para trafegar entre seu sistema e um servidor web. Para parar o comando basta apertar no teclado Ctrl + C.

ping-crosh

SSH

O Chrome OS possui a ferramenta de SSH para que possa se conectar e administrar um servidor remotamente. É um comando bem complexo com inúmeras opções, inclusive com possibilidade de usar o SSH Tunneling.

ssh-crosh

Para sair do SSH, basta digitar exit.

network_diag

Realiza um pequeno conjunto de testes e diagnóstico de rede, podendo salvar a saída dos resultados em um arquivo .txt.

network_diag_crosh

ssh_forget_host

Lista os últimos hosts que se conectou com o comando SSH.

sound

Permite a você gravar o áudio do microfone do seu Chromebook e assim reproduzi-lo mais tarde. Para gravar 15 segundos de áudio, basta executar o comando:

round record 15

O local onde será gravado o arquivo irá aparecer na tela para que possa executá-lo.

sound-record-crosh

xset r

Ajusta o comportamento de repetição automática quando você pressiona um botão do teclado. Ou seja, dá para ajustar o tempo de atraso antes que comece a repetição automática e ainda configurar quantas repetições devem ocorrer por segundo.

xset m

Com o xset m você ajusta a taxa de aceleração do mouse. O Chrome OS possui em suas configurações de interface gráfica opções para que possa modificar a velocidade de cursor e aceleração do mouse, mas por meio do comando você pode especificar valores mais configuráveis.

xset-crosh

tpcontrol

Você ajusta o touchpad do seu dispositivo podendo configurar muitas propriedades que não estão disponíveis através da interface gráfica.

topcontrol-crosh

Comando no modo desenvolvedor

Se acessar o Chrome OS no modo de desenvolvedor, alguns comandos extras estarão disponíveis como:

shell

Abre um shell bash completo para poder executar outros comandos Linux, inclusive com possibilidade de abrir ambientes de desktop Linux após tê-lo instalados, como Gnome, KDE e outros.

packet_capture

Captura e registra pacotes de dados.

systrace

Outro comando conhecido na informática e que serve para capturar registros do sistema para fins de depuração.