O conselho de administração do grupo Yahoo! poderá rejeitar a oferta da Microsoft, que ofereceu cerca de 30 bilhões de euros para comprar o grupo da Internet, segundo anuncia o Wall Street Journal.